Penny Dreadful - Predators Far and Near


Vamos continuar com a terceira temporada de Penny Dreadful, agora falando do segundo episódio, “Predators Far and Near”, que já começa com uma cena de ação inesperada. Lily e Dorian Grey vão até um lugar onde as pessoas pagam para ver os outros serem torturados. Quando uma garota é trazida para que o “espetáculo” comece, Lily e Dorian começam a matar todos que estavam no lugar em uma pequena cena de ação muito bem coreografada que deixaria muitos seriados com inveja. Depois que todos os espectadores estão mortos, o casal decide levar a garota com eles. Pelo que deu a entender, isso tudo foi uma vontade da Lily. Estou com medo e curioso para saber no que eles vão transformar essa garota.

Podemos ver os primeiros traços da dupla personalidade de Jekyll em uma cena onde ele e Victor estão tomando café e, então, ele começa a falar do ódio por seu pai e tudo o que a sua mãe sofreu e, ao mesmo, tempo ele demonstra preocupação com a saúde de Victor. Isso é algo bem sutil, poderia até mesmo ser encarado como um desabafo normal, mas me passou essa impressão. Acho que esse fato do Jekyll ser mestiço ainda vai ser muito abordado na série, não só como a trama do personagem, mas também como uma crítica social.

Depois os dois vão até o laboratório de Jekyll e o visual é exatamente aquele que a gente imagina quando se pensa no laboratório de um cientista maluco. Eu senti um leve arrepio quando o Victor sentou na cadeira. Na minha mente veio logo a cena do Jekyll correndo para prender ele e usá-lo como cobaia (antes que alguém comente, sim, a minha imaginação é fértil). O teste que eles fazem em uma das cobaias ficou muito bom. Jekyll sempre os chama de monstros e, realmente, o cara preso parecia um, mas depois que aplica o soro, ele volta a ter uma aparência bem humana. Será que nesse momento Jekyll já se transformou ou isso ainda vai acontecer na série?

E, para finalizar a trama desses personagens, tivemos o encontro entre Victor e Lily no final do episódio e aí podemos ver como a Lily realmente é má. Depois de dizer que não foi ele quem a criou, mas que a sua criação que mudou a vida dele e que seria melhor se nunca mais ele se aproximasse dela, a mulher vai lá e ainda beija o cara. Isso é muita maldade. O cara já está apaixonado e ainda recebe um beijo que, por mais que a Lily tente passar a ideia de que foi uma despedida, nós sabemos que foi por maldade mesmo. haha. Vitinho, parte para outra, cara!

Enquanto isso, Ethan finalmente se transformou em lobisomem e saiu distribuindo suas garras para quem estivesse perto e deu para ver porque as bruxas tinham certo medo por ele ser um protetor da Vanessa. Será que ele está começando a controlar sua transformação, já que ele não matou a bruxa? A cada pedaço da história dele com o Kaetenay que nos é contada, minha curiosidade aumenta. Aquele ritual indígena, que permite visitar outra pessoa no sonho, foi sensacional. Esse núcleo é o que eu mais estou gostando porque até agora estávamos acostumados com todos os episódios de Penny Dreadful com aquelas cores frias e roupas da Inglaterra Vitoriana, aí fica o contraste com essa história do Ethan com cores quentes e um visual bem western.

E Vanessa começa suas seções de terapia. Ver a Dra. Seward toda séria e fria no começo da seção e, aos poucos, suas emoções começando a fluir ouvindo as coisas pelas quais Vanessa passou e, no final, as duas estarem abaladas, foi emocionante demais. Quanto será que ela ouviu das histórias da Miss Ives? Estou querendo que ela realmente ajude a Vanessa e não seja mais uma pessoa sendo controlada apenas para lhe fazer mal.

E como Vanessa tem dedo podre, agora que ela estava começando a se sentir um pouco melhor, encontrou alguém que a faz sorrir e descobrimos que essa pessoa é o Drácula. Já tinha visto vários comentários sobre Dr. Sweet ser o Drácula, mas não queria aceitar, até porque gostei muito do personagem, sem contar que ele é um “doce” de pessoa (desculpa, mas eu precisava fazer essa piada). Eu gostei do visual dele, algo mais normal, ao contrário daqueles outros vampiros pirigóticos que são bem toscos. Precisava ser assim? Será que não poderiam colocar uns vampiros com mais classe? Até agora essa foi a única coisa que me incomodou na temporada.
Tecnologia do Blogger.