Bungou Stray Dogs - Ep. 10 Rashomon e o Tigre


Apesar de toda força e habilidade de Dazai, ele só poderia ter permitido ser capturado pela Máfia tendo um plano muito do bem bolado para sair vivo de lá e descobrimos esse plano nesse episódio, mas ainda assim não o livrou de levar uma boa surra de Chuuya.

Dazai tinha mesmo planejado tudo e até previsto tudo, e apesar da tensão que foi o começo dessas cenas, não poderia faltar o alívio cômico no final. A alegria dele quando Chuuya disse que arrumaria uma moça bonita disposta a morrer para “cometer um suicídio á dois” com ele foi impagável.

Parece que Atsushi finalmente mostrou á que veio. Começou meio desajeitado, como se ainda não soubesse muito bem como funciona seus poderes (e ele sabe?), mas foi só ver como Akutagawa estava lidando com a queridinha dele Kyouka, que ele ficou boladáço e soltou o tigre que tinha dentro dele!

Gostei de ver um pouco sobre como o Dazai era na época em que trabalhava pra Máfia enquanto nos era mostrado um pouco do passado de Akutagawa, que parece ter tido uma infância tão miserável quanto de Atsushi. Ainda não entendi se esse rancor é ciúmes, recalque ou inveja (ou será tudo junto?), mas deu pra sacar como é pessoal esse desejo de Akutagawa de matar Atsushi.

A maior parte do episódio foi sobre essa luta Akutagawa vs “Tigroman”, e houve cenas que realmente me empolgaram, ainda mais quando foi chegando o final da luta porque Atsushi foi crescendo e descobrindo sua força no decorrer da luta e no fim das contas ele foi mais do que badass.

Parece também que o Dazai descobriu quem está oferecendo essa recompensa pelo Tigroman e nos foi apresentado essa pessoa que até agora não havia entrado na história: Francis F., líder da Organização dos Intelectuais Guilda. Pelo desprezo na voz dele ao se referir á Máfia, apesar de “engomadinhos”, o pessoal da Guilda deve ser de outro nível!

Tecnologia do Blogger.