The Flash: Invasion! (2)


Depois do péssimo início de crossover no episódio de Supergirl, que foi totalmente irrelevante, já que repetiram a cena inteira no episódio de The Flash, finalmente a reunião entre os heróis da CW aconteceu. E como todo clichê de quando reunimos personagens de universos diferentes, tivemos apresentações, revelações, brigas, divisão de grupo e reconciliação, mas, ainda assim, foi um bom episódio.

Algumas tramas que vinham sendo apresentadas em Legends of Tomorrow, começaram a ser explicadas, como a misteriosa mulher que aparecia nas visões do Martin e qual era a mensagem do Barry do futuro. E foi exatamente essa mensagem que causou todo o problema entre o grupo de heróis. Eu até entendo o motivo do Cisco estar chateado com o Barry, mas nos últimos episódios ele vem sendo bem idiota. Ele já viu todos os acontecimentos que a viagem do Barry causou, será que ele espera que o Barry faça outra viagem, correndo o risco de piorar ainda mais as coisas pela possibilidade de trazer seu irmão de volta?

Mais uma vez a personalidade da Sara se destacou, sempre com um humor ácido e demonstrando toda a responsabilidade de uma viajante do tempo. Já a interação da Kara com os outros personagens foi ótima, o que já era de se esperar, já que a Melissa Benoist é um poço de carisma. Impossível ela não se dar bem com alguém, mas vale ressaltar o diálogo dela com o Mick - que ultimamente vem sendo um dos melhores personagens de Legends of Tomorrow - e também a maneira como ela ficou assustada com a personalidade do Oliver.

Por falar no Sr. Queen, coube a ele a maior surpresa do episódio. Em que universo alguém imaginou que no meio de tantos personagens carismáticos e de bom senso, aquele que teria as decisões mais racionais seria o Oliver? E o mais incrível ainda é que essa deve ter sido uma das melhores atuações do Stephen Amell como Arqueiro Verde. Aí fica aquela dúvida no ar: se o grande problema de Arrow é realmente a interpretação do Amell ou é a história e a maneira como ela é contada.

Parece que os poderes fizeram bem ao Wally e ele realmente conseguiu fazer diferença na batalha, só que o que me deixa mais curioso sobre o personagem é como ele vai ser treinado pelo HR. Algo me diz que muita confusão vai sair dessa parceria. Parece que quem teve um grande retrocesso foi a Iris. Ela está tão insuportável que lembrou muito a personagem na primeira temporada de The Flash.

Também tivemos Thea de volta com o uniforme da Speedy. O que uma invasão alienígena não faz com as pessoas? Confira nossa crítica sobre a terceira parte do crossover aqui.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.