Arrow | Fallout


Arrow retorna para sua sexta temporada de maneira precisa. Mesmo que com um salto no tempo, continuamos repercutindo os ocorridos em Lian Yu. E, pela primeira vez, posso dizer que os flashbacks foram usados a favor da história fazendo com que Arrow tivesse o melhor retorno das séries de heróis da CW.

Para começarmos, vamos falar um pouco sobre Dig e seu problema em não conseguir atirar mais. Isso é algo que certamente irá prejudicar muito a equipe e a primeira vítima disso foi Rene que, por sinal, está com uma roupa bem maneira e já estava na hora disso acontecer.

Ainda sobre o Dig, não sei se foi apenas impressão minha, mas parecia estar rolando uma tensão quase que sexual nas conversas entre ele e Dinah. Parecia que a qualquer momento os dois iriam se pegar. Estaria surgindo um novo casal em Arrow? Estaria John Diggle vivendo uma paixão proibida, justo ele que é o personagem mais certinho da série? Tirando o fato, é claro, dele ser um vigilante que sai dando porrada em todos. Mas ficam aí as dúvidas. 

Essa temporada parece que terá como foco a relação entre pais e filhos (e, nesse momento, entra a música do legião). Quentin claramente ainda não superou a perda da Laurel e o fato de ter uma Laurel de outra dimensão não ajuda muito nesse luto. Foi um momento bem tenso ver ele atirando na Black Siren para salvar a Dinah. E a Katie Cassidy está muito mais interessante como vilã do que como heroína. Ela tem uma carinha de quem está ali só para ver o circo pegar fogo.

E, por fim, temos Oliver enfrentando a maior batalha dele, pois agora, além de ser vigilante e prefeito, ele precisa ser pai. Claramente não era algo que o Sr. Queen estava preparado. E nessa confusão toda, temos que destacar dois pontos: primeiro é que nem precisa de teste de DNA para saber que Will é filho do Oliver. A criatura é tão cabeça dura quanto o pai, vive emburrado e tem a mesma expressão para tudo. O segundo ponto é que a figura paterna que Oliver tenta passar para Will não é a que ele teve de seu pai e sim a de Slade. Em vários momentos ele age e fala como Slade fazia com ele. Se o nosso ex vilão estiloso visse essa cena, ele iria chorar de um olho só (antes que me entendam errado, eu estou fazendo alusão ao fato de Slade usar um tapa olho).

Bom, pessoal, estamos de volta com os reviews de episódios de Arrow e Flash. Então venham deixar suas opiniões sobre o episódio. Estou ansioso para saber o que vocês acharam.


 E aí? Curtiu? Então ajude o nosso site! Seja nosso padrinho/madrinha
Afinal, nem todo herói precisa de superpoderes, basta ter um coração generoso...



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.